Vinaora Nivo SliderVinaora Nivo SliderVinaora Nivo SliderVinaora Nivo SliderVinaora Nivo SliderVinaora Nivo SliderVinaora Nivo SliderVinaora Nivo Slider

Missão chinesa estuda investimentos na ZPE de Ilhéus

BLOG IPOLÍTICA, ILHÉUS, 15/07/2017.

Há 30 anos, o município de Ilhéus luta para implantar a sua Zona de Processamento de Exportação (ZPE). Nesta sexta, 14, a visita de uma comitiva de empresários de Tianjin, na China, significou a ação mais concreta, nestas três décadas, para que o projeto possa, efetivamente, tornar-se realidade.

Durante solenidade ocorrida no Teatro Municipal, representantes do Governo da Bahia, da Prefeitura Municipal e dos empresários brasileiros e estrangeiros, assinaram um Memorando de Entendimentos entre a ZPE de Ilhéus e a Comissão do Comércio do Governo de Tianjin. Em seguida, visitaram o Porto de Malhado e a área destinada à implantação da primeira etapa da ZPE local, equipamentos que aguardam investimentos para avançar.

O prefeito de Ilhéus, Mário Alexandre (PSD), destacou que o resultado deste encontro é fruto de um esforço coletivo, de governo e sociedade. “A China é um exemplo de eficiência para o mundo. O povo de Ilhéus é ordeiro, pacífico e trabalhador. Os chineses podem acreditar que vão encontrar aqui um povo disposto a trabalhar muito, com vontade de acertar”, disse à comitiva. Para Mário Alexandre o evento de hoje marca um momento histórico para todo o povo de Ilhéus e o seu sonho de ver a cidade avançar social e economicamente.

A Missão Chinesa foi formada pelos empresários Zhang Aiguo (diretor-geral da Comissão de Comércio de Tianjin), Cai Qingfeng (diretor-geral do Porto de Tianjin e CEO da Free Trade Zone de Tianjin), Shao Weitong (secretário da Embaixada da China no Brasil), Mu Shengjun (chefe de Divisão da Comissão de Comércio) e José Diniz Lucas (presidente da Associação e Plataforma Intercontinental entre a China, Angola, Brasil e Portugal). Além do secretário da Casa Civil, do Governo da Bahia, Bruno Dauster, esteve presente o secretário estadual de Ciência e Tecnologia, Vivaldo Mendonça.